terça-feira, 17 de fevereiro de 2009

Morro do Itaoca vira pesadelo dos radiodifusores

A importância do Morro do Itaoca para transmissões em Campos é vital. O Morro, conhecido também como morro do rato, fica na proximidades da Lagoa de Cima e abriga antenas e transmissores das Redes Record, Rede TV, SBT, Inter TV Planície, Hits TV, além das emissoras Diário FM e Band FM. Lá também estão as estações de rádio comunicação das Polícia Militar, Bombeiros, Polícia Rodoviária , Polícia Federal e Civil e antenas da Embratel e operadoras de telefonia celular. A lista não pára por aí: as Usinas Santa Cruz e Cupim, a Pedreira Itereré e os regates de ambulância da região, também se encontram no Itaoca. São vários serviçoes que sofrem a cada chuva que ocorre. Além da falta de luz, quase que diária, tem a questão do acesso. Para as equipes de manutenção subir é preciso um carro tracionado e muita coragem, já que os buracos são enormes e a manutenção da prefeitura de Campos inexiste. As promessas de tornar o lugar um ponto turístico da cidade animou as empresas que mantém seus equipamentos no alto do Morro. Todos imaginavam que isso iria ajudar na preservação do acesso e do local. Contudo não é o que estamos vendo neste início de ano, onde a chuva ajuda a piorar, ainda mais, as condições do Itaoca.

Nenhum comentário:

Postar um comentário